Sérgio Boris Afastado do Comando Técnico do Ferroviário de Maputo

Após uma sequência de derrotas desde o início do Moçambola 2024, a Direção do clube Ferroviário de Maputo decidiu afastar o técnico Sérgio Boris. A decisão foi comunicada oficialmente pelo clube através de uma nota publicada em sua página de Facebook.

“O Clube Ferroviário de Maputo comunica aos seus adeptos, sócios, simpatizantes e público, em geral, que rescindiu amigavelmente o contrato de trabalho com o corpo técnico da sua equipa principal de futebol com efeitos imediatos. O clube Ferroviário agradece pelo profissionalismo demonstrado pela equipa técnica e deseja sucessos na sua vida profissional”, informou o comunicado.

O afastamento de Sérgio Boris ocorre em meio ao pior início de temporada da história do Ferroviário de Maputo no Moçambola, com a equipe somando apenas um ponto em seis jogos realizados. Este desempenho decepcionante colocou o clube em uma posição delicada na tabela de classificação, levando a Direção a tomar medidas drásticas para tentar reverter a situação.

A trajetória de Sérgio Boris no comando técnico do Ferroviário de Maputo vinha sendo marcada por altos e baixos, mas a sequência de derrotas consecutivas neste início de campeonato foi decisiva para a sua saída. Apesar dos esforços do técnico e da sua equipa, os resultados não foram satisfatórios, culminando na decisão de rescisão amigável do contrato.

A Direção do clube agora se volta para a busca de um novo treinador que possa trazer uma nova dinâmica e recuperar o Ferroviário de Maputo no campeonato. A expectativa é que a mudança no comando técnico possa trazer uma reviravolta no desempenho da equipe e recuperar a confiança dos jogadores e dos adeptos.

Enquanto isso, a comunidade de fãs do Ferroviário de Maputo manifesta-se nas redes sociais, expressando sentimentos mistos de apoio e esperança. Muitos desejam sorte a Sérgio Boris em seus futuros empreendimentos, ao mesmo tempo que aguardam ansiosamente pela nomeação de um novo técnico que possa trazer dias melhores para o clube.

O Ferroviário de Maputo, um dos clubes mais tradicionais de Moçambique, enfrenta agora o desafio de reconstruir sua trajetória nesta temporada do Moçambola. Com uma nova liderança técnica, o objetivo é reverter o mau começo e voltar a competir em alto nível, honrando a história e a tradição do clube.

O afastamento de Sérgio Boris marca um ponto de inflexão para o Ferroviário de Maputo. Os próximos dias serão decisivos para a definição do novo comando técnico e para o futuro imediato da equipe no campeonato. Os adeptos aguardam com expectativa os próximos passos do clube, na esperança de uma recuperação rápida e eficaz no Moçambola 2024.

Gostou deste conteudo?

Partilhe !!!

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Email

Respostas

Mais Novidades

Filipe Nyusi Visita Estádio Municipal de Lichinga e Comenta Situação da Seleção Nacional de Futebol

Pepo Santos Renova com Caldas Sport Clube para Temporada 2024/2025

Bruno Langa Destaca-se na LaLiga com Golo Memorável Contra o Mallorca

Seleção Nacional de Futebol de Moçambique Retida em Lisboa Devido a Cancelamento de Voo

Resultado do Sorteio de Qualificação para o CAN Futebol de Praia 2024 no Egito: Moçambique Enfrenta Seychelles

Hélder Duarte Revela Preocupações na Conferência de Imprensa Antecipando Jogo Contra a União Desportiva do Songo

inspirando mudanças

Victor Mayamba Assume Comando do Desportivo de Nacala

Ironia do Destino ou Acaso? Estreias de Treinadores Marcam o Derby da 8ª Jornada do Moçambola

INSPIRANDO MUDANÇAS | REINILDO MANDAVA | GENY CATAMO | BRUNO LANGA

INSPIRANDO MUDANÇAS – GABRIEL JÚNIOR

INSPIRANDO MUDANÇAS – GILBERTO MENDES

explore por categoria

Mambas
Moçambola
CAF
COSAFA
Actividades
comunidade
eventos

conectando moçambique

PARTE 1

PARTE 2